Complexos (EP.6)

Já alguma vez vos aconteceu baralharem o início e o fim da história?Ou seja, não saberem bem se, isto deu aso àquilo, ou se aquilo é que deu aso a isto. Decerto que mais alguém faz esta pergunta, afinal há aquela questão da galinha e dos ovos. Os olhos dos…

Ser Mulher (EP.5)

Comecei a escrever a achar que ser mulher era tão bom como ser homem, pelo menos aqui, nesta terra onde fui plantada. Escrevi e apaguei, voltei a escrever e a emendar, porque era generalista, porque não era verdade, porque não me devia queixar, porque para lá destes riscos que desenham…

Ser Português (EP.3)

De mão sobre o coração sinto as batidas da esperança e da saudade e sinto arritmias de comidas fartas, cozinhadas em panelas de barro. Sou José e sou Maria, trabalho no duro com fama de mandrião. Sou o primeiro a dizer que isto vai mal, mas levanto-me e ganho voz…

Pequenos Prazeres (EP.2)

Há publicidades que nos ficam cravadas, não pela marca ou pelo gosto dos produtos, mas pela mensagem que inserem dentro de nós. Um escritório cheio de pernas e braços, algumas cabeças, folhas e pastas e telefones a tocar, tudo cheio de movimento, qual autoestrada onde ninguém cumpre limites de velocidade….

Eu, Tu e o Podcast – Diz Que Disse (EP.1)

Do outro lado do telefone sempre encontrei um sorriso cheio de cor, como o céu da Capadócia, animado pelos balões que pairam leves sobre as chaminés de fadas. O formalismo desvanecia-se ao primeiro olá, e dava lugar às nossas primeiras conversas e gargalhadas, livres e puras como cegonhas-brancas a cruzar o…

Chove que não molha

Baptizada com o nome de toda a gente, Maria era difícil de descrever, nem alta nem baixa, nem gorda nem magra, de olhos e cabelos castanhos como a maioria da população portuguesa. Quanto a dinheiros era remediada, que é melhor que ser pobre. Em amores era acomodada, não fosse o…

FFF

Ninguém sabe o que teria acontecido, a vida não é feita de ses, mas às vezes questiono-me sobre as mãos cheias de situações que, por um motivo ou outro, não aconteceram. E tu continuas a ser um desses pensamentos, posso-te dizer que és dos poucos cenários que me acompanham há mais de 20 anos. A grande maioria…

E tu, pensas?

Tem estado frio e chuva e eu sempre fui sazonal. Esta coisa da temperatura exterior altera-me o ambiente interior. Fico com a cabeça mais ocupada e cinzenta, com os olhos mais enevoados e molhados e com o coração mais tolhido e tremido. Nestes últimos dias só me tem vindo à…